logo

Telefone: (11) 3024-9500

Cinco dicas essenciais para entender a ASO | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ Weedezign

Cinco dicas essenciais para entender a ASO

10 de agosto de 2021

 

Existem fatores que devem ser levados em conta para se dar bem nas App Store. Aqui seguem algumas dicas sobre como utilizar a ASO de forma eficiente.

Não confunda com o SEO (Search Engine Optimization). A ASO é bem diferente, e aqui vamos listar cinco elementos para entender o seu conceito e poder tirar o maior proveito dela. A App Store Optimization pode dar ao seu aplicativo um diferencial para ficar mais atraente e chamar mais a atenção de seus potenciais clientes.

Porém, como tudo mais, é preciso seguir uma estratégia para ter sucesso. Na busca para obter maior visibilidade, o que pode também ser traduzido como mais downloads, é necessário identificar onde colocar maior ênfase para gerar melhores resultados. Para obter boas resenhas, também é preciso respeitar alguns aspectos. Um deles é tentar manter o aplicativo atualizado e sem erros. Embora possa parecer uma dica bem simples, é fundamental.

Escolha o nome certo

É a primeira coisa que seus clientes vão ver e que vão procurar. É por isso que deve ser escolhido com muito cuidado. O nome deve tentar de ser único e simples de ler, dinâmico. Algo que possa ser lembrado e reconhecido facilmente.

A palavra-chave, ou keyword em inglês, no aplicativo, será o que provavelmente determinará sua posição no ranking. Para a Google Play Store você tem até 50 caracteres, já para a Apple App Store são 30.

Um ícone que chame a atenção

O visual também é um fator determinante em uma estratégia ASO. É por isso que escolher seu ícone é uma decisão importante. É o que capta a atenção e pode ser fundamental para que seus potenciais usuários acabem baixando o seu aplicativo. Normalmente, uma versão minimalista funciona. Muitas vezes menos é mais, embora possa parecer contraditório.

Basta olhar para as grandes marcas ou para as redes sociais mais populares que com um design bem simples têm engagement. Pode ser o caso do Facebook, Twitter ou Instagram. Depois de um tempo, elas se tornaram muito reconhecidas. Uma boa estratégia poderia ser experimentar cores ou pequenas variações para saber qual a versão mais descarregada. Tudo é mensurável.

Uma descrição atraente

O nome é importante, assim como o ícone, mais ainda mais importante é o que você diz sobre o aplicativo. É aqui onde você tem que gerenciar melhor as palavras-chave – sempre de uma forma que pareça natural –, o que é relevante não apenas para os usuários, mas também para os ranking das App Store. O limite é de 4 mil caracteres e é possível classificar por pontos ou até mesmo adicionar emojis. Uma boa dica é que sua principal palavra-chave esteja três vezes no texto.

Imagens e screenshots

Esse é outro fator primordial. Imagens, screenshots e vídeos podem não afetar sua classificação diretamente, mas sim sua taxa de conversão em downloads. Evidenciar as funcionalidades e vantagens que o seu aplicativo pode oferecer pode ajudar alguém a se convencer de baixar o app.

O ideal é que as capturas de tela que você tire sejam da forma como o aplicativo é utilizado. Caso for vertical, então que seja desse jeito, e vice-versa. Um vídeo breve fazendo um pequeno tour pode ser uma grande ideia para mostrar as características mais atraentes do app.

Ratings e reviews

Por último, o feedback de seus usuários é sempre valioso. Embora a gente sempre queira uma pontuação alta, os comentários construtivos podem apontar alguns detalhes que precisam ser melhorados. É claro que, quanto maior seja sua classificação, melhor será sua posição no ranking das App Store.

Leve em consideração que 4 em cada 5 usuários leem as resenhas para descobrir como está funcionando o aplicativo e se os comentários obtêm resposta dos desenvolvedores. Estar sempre abertos a sugestões para melhorar é também um fator para se ter uma boa estratégia ASO.

Comentários