logo

Telefone: (11) 3024-9500

Cavernas de Batu são atração na Malásia | Qual Viagem Logo

Foto por IStock/ danikancil

Cavernas de Batu são atração na Malásia

21 de julho de 2017

Ao visitar a Malásia, facilmente é possível se encantar com os monumentos e atrativos locais. E as Cavernas de Batu, localizadas ao norte de Kuala Lumpur, no distrito de Gomak, são grande exemplo disso. Considerado o santuário hindu mais importante fora da Índia, o lugar fica no interior de uma formação de calcário a quase 100 metros do solo.

Foto por IStock/ Teerapon1979

Foto por IStock/ Teerapon1979

Em seu interior, estátuas e templos integram o complexo de três cavernas principais, que está rodeado de outras menores. A maior delas, chamada de Cathedral Cave, é acessada por meio de 272 degraus. A árdua subida é compensada com a presença de alguns macacos (bonitinhos, mas travessos) e com a chegada a um dos templos mais importantes da região.

Um passeio pelas Cavernas de Batu é uma oportunidade única de conhecer a fundo as histórias e feitos da cultura hindu.

Foto por Istock/ asab974

Foto por Istock/ asab974

Entre os monumentos que se destacam no lugar está a estátua de Murugan, deus homenageado nas cavernas, que possui 42,7 metros e é toda coberta com mais de 300 litros de tinta dourada. Outro atrativo que chama a atenção é a Cave Villa, onde estão obras de arte e templos impressionantes.

As formações rochosas presentes nas cavernas têm aproximadamente 400 milhões de anos.

Foto por Istock/ CharlieTong

Foto por Istock/ CharlieTong

Segundo contam, os indianos se mudaram para a Malásia durante a colonização britânica e, junto deles, trouxeram a religião hindu e encontraram nas cavernas o local perfeito para venerar Murugan, o deus da guerra e da vitória. Desde então, as cavernas Batu são geralmente dedicadas a esta divindade.

Ainda hoje, os peregrinos visitam frequentemente o lugar o dividem espaço com os milhares de turistas que, curiosos, se encantam com as belezas naturais integradas à cultura hindu em cada detalhe, seja nos grandes monumentos ou nos templos menores.

Foto por IStock/ southtownboy

Foto por IStock/ southtownboy

E a movimentação local fica ainda maior entre janeiro e fevereiro, que é quando ocorre o festival Thaipusam,  onde mais de um milhão de hindus comparecem às cavernas para prestar homenagem a Murugan.

Diversos peregrinos carregam recipientes de leite decorados, conhecidos como paal kudam, enquanto outros mostram sua devoção perfurando suas peles com ganchos conectados a armações, ou “kavadis”.  Os visitantes podem assistir ou participar dos cânticos e da dança à medida que as procissões se dirigem até a estátua do deus Murugan.

Foto por IStock/ lim_jessica

Foto por IStock/ lim_jessica

As cavernas estão a menos de 20 quilômetros de Kuala Lumpur e podem ser facilmente acessadas por transporte público. Não há taxa de entrada.

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por IStock/ danikancil

Comentários