logo

Telefone: (11) 3024-9500

Capadócia: São Jorge, Formações Rochosas e Cidades Subterrâneas | Qual Viagem Logo

Hot air balloons flying over spectacular Cappadocia

Capadócia: São Jorge, Formações Rochosas e Cidades Subterrâneas

17 de novembro de 2017

Conhecida pelas formações rochosas e passeios de balão, a cidade subterrânea da Turquia é dona de incomparáveis histórias, gastronomia de dar água na boca e beleza única. A cidade da Capadócia serviu como inspiração para os filmes como os Flintstones e a novela Salve Jorge – isso devido a suas belas paisagens e misticismo. E sabe qual é o melhor? Brasileiros não precisam de visto para visitar essa terra de belezas únicas.

Situada entre dois continentes, uma das melhores partes de visitar a Turquia é que você pode estar na Europa e na Ásia em um único país. E em uma única viagem! O país é sinônimo de lugares belíssimos, aliados a gastronomia, história e riquíssima cultura, que completam seu charme e esbanjam elegância.

Woman watching  like colorful hot air balloons flying over the valley at Cappadocia, Turkey. Volcanic mountains in Goreme national park.

Foto por iStock / Natalia Moroz

Ao falar da Turquia, é inevitável não pensar na Capadócia como uma das cidades mais visitadas e encantadores de lá. A Terra dos Cavalos Bonitos é conhecida por sua singular paisagem lunar e igrejas escavadas nas rochas. Por isso, é muito difícil não associá-la aos passeios de balões, tour por cavernas, formações rochosas conhecidas em Göreme como Chaminé das Fadas, o Monte Argeu – um vulcão inativo – e claro, a São Jorge, ou para os íntimos, Jorge da Capadócia. Segundo conta a história, o santo guerreiro nasceu no local e morreu ao permanecer firme na fé cristã, após o imperador romano Diocleciano intensificar uma perseguição aos cristãos e ele não aceitar.

Nesta matéria, apresentamos as quatros cidades turísticas da Capadócia: Göreme, a capital Nevsehir, Ürgüp e Avanos. As relíquias e incríveis formações rochosas, junto com as duas cidades subterrâneas mais famosas, a gastronomia e dança local, junto com o autêntico e mais extraordinário passeio de balão do mundo.

Formações rochosas – cartão postal em diferentes formas

As formações geológicas fazem parte da cidade, do povo, da cultura e dos cartões postais. Os vulcões Eriyes, Hasan e Melendiz cuspiram lava por milhares de anos na Anatólia, região central da Turquia. O trio, associado à força da erosão, do vento e da chuva, esculpiu um cenário único no mundo, capaz de tirar o fôlego dos visitantes.

Unique geological formations in Cappadocia, Central Anatolia, Turkey. Cappadocian Region with its valley, canyon, hills located between the volcanic mountains Erciyes, Melendiz and Hasan.

Texto por iStock / Zzvet

Hoje, a Capadócia é uma região que atrai cada vez mais viajantes – principalmente brasileiros – em busca de belas paisagens, misticismo e história. Os efeitos produzidos por uma rocha vulcânica fizeram com que o homem encontrasse condições ideais para se refugiar dos inimigos: escavando e construindo suas casas nas pedras. Tudo isso transformou a beleza das enormes colinas em atração turística. Atualmente, esses espaços que serviram de casa no passado abrigam hotéis e restaurantes. Você pode encontrá-los nas cidades de Göreme, Ürgüp, Nevsehir e Avanos.

Cidades subterrâneas – uma história debaixo da terra

Se estiver em Istambul, não se preocupe. Para chegar em Anatólia são apenas uma hora de avião e a passagem não é cara. Aproveite para fazer um tour histórico e se surpreender com tudo que este lugar pode te proporcionar – principalmente as cidades subterrâneas que merecem uma visita especial.

Segundo os arqueológicos, existem mais de 100 cidades que estão abaixo da Capadócia. E apenas 36 foram abertas. As cidades surgiram entre os séculos VI e VII, quando exércitos persas e árabes invadiram a região e os cristãos bizantinos, que viviam no local, foram obrigados a fugir através de túneis secretos.

Entre as cidades, declaradas como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1985, as duas mais conhecidas são: Derinkuyu, a mais profunda, e Kaymakli, a maior delas. As cidades nunca foram usadas de forma permanente, mas para se esconderem da perseguição religiosa – houve períodos que chegaram até quatro meses debaixo da terra.

Derinkuyu cave  underground city, Cappadocia , Turkey .Travel background

Foto por iStock / Natalia Moroz

A cidade de Derinkuyu tem mais de 85 metros de profundidade e abrigou cerca de 10 mil pessoas ao mesmo tempo. Mais de 600 portas ligam as casas aos pátios e eram formadas por cavernas, estábulos, armazéns, refeitórios, igrejas e escolas. Nem todos os andares tinham acesso aos poços de água, e a ventilação chegava por meio de um poço de 55 metros e vários tubos que fornecem ar.

Para quem sofre de claustrofobia, não é uma boa ideia visitar os túneis, muito menos descer os andares. Alguns corredores e escadas são tão pequenos que é preciso descer agachados. A cidade de Derinkuyu foi aberta aos visitantes em 1965. Para visitá-la, vá até a cidade de mesmo nome, a cerca de 40 km de Göreme, e contrate um pacote turístico. Se quiser fugir de filas, não vá aos finais de semana. A entrada custa cerca de 6 euros, e pode ser adquirida na bilheteria.

Kaymakli Underground City is contained within the citadel of Kaymakli in the Central Anatolia Region of Turkey. Underground Kapadokia city

Foto por iStock / komyvgory

Kaymakli é a maior das cidades subterrâneas e possui oito andares abaixo do solo, porém a visitação só é permitida nos quatro primeiros níveis. Nesta, estima-se que seis mil pessoas chegaram a conviver no mesmo tempo, na época da invasão religiosa. Há uma divisão bem clara dos ambientes, separando os dormitórios, cozinhas, depósitos para alimentos, igrejas, portas secretas, túneis de ligação e poço profundo, que servia como sistema de ventilação. Para visitar é preciso comprar um ingresso que custa cerca de 20 liras turcas.

A magia rodopiante dos Dervixes

De origem turca, a dança conhecida como a Ordem Mevlevi acredita que a música e a dança podem ajudar as pessoas a alcançarem um estado de êxtase que os liberta da dor da vida diária, purificando a alma e preenchendo-os com amor. Enquanto os músicos tocam, os Dervixes com suas vestimentas brancas e um chapéu na cabeça giram cada vez mais rápido, em sentido anti-horário, e atingem este sentimento chamado de “final”.

Istanbul, Turkey - June 6, 2012: Traditional ceremony of dervishes, Galata Mevlevihanesi, Istanbul, Turkey

Foto por iStock / ihsanGercelman

Durante a cerimônia, acredita-se que o poder divino entra pela palma da mão direita, apontada para cima, passa pelo corpo e sai pela palma da mão esquerda, apontada para baixo, em direção à terra.

O delicioso Kebap e as bebidas turcas

Se existe uma coisa que faz a sua viagem ser ainda mais especial, não tenha dúvidas, é a culinária local. A da Capadócia é diferente de Istambul, e também da capital, Ankara.

Travel to Cappadocia, Turkey. The cup of turkish tea and coffee on the wooden table in the mountains.

Foto por iStock / undefined undefined

O çay (chá) é a bebida nacional da Turquia e a mais tradicional. Ele é perfeito em qualquer hora do dia, seja no kahvalti (café da manhã) ou em qualquer outra hora do dia. Não importa o lugar, os turcos estão sempre com um copinho de chá na mão. Já que o çay é a bebida típica do país, a comida principal é o kebap – para os turcos é qualquer coisa cozida em um espeto. Mas, o mais pedido é o döner kebap, uma espécie de wrap de churrasco grego.

Pieces of meat with onions on skewers (kebab). Serve with sauce, tomatoes and arugula.

Foto por iStock / Maryna Iaroshenko

O simit é bastante vendido nas ruas e a opção adequada se você está com pressa para algum passeio e precisa de uma refeição rápida e boa. Durante a noite, se estiver saindo para badalar e optar por aperitivos, a pedida são os mezes, servidos em bares, restaurante e casas turcas. Esses vocês encontram em qualquer área do país.

Já pelas ruas de Göreme você irá descobrir um simpático restaurante, bem no coração da região, o Anatolia Kitchen. Por lá, a opção é pedir a principal e típica cerveja turca, Efes, junto com o Testi Kebap – um misto de carne e vegetais cozidos, em um molho que vem acompanhado de um pote de barro, selado com a massa de pão. Vale ainda experimentar outras delícias, como o Boza, grão de bico triturado com açúcar e canela; e Ayran – feito à base de iogurte, sal e água, ideal para os dias quentes.

A melhor vista do país no tradicional passeio de balão

O passeio é tão clichê, quanto “obrigatório”. Não fazer o passeio de balão é quase como se você não tivesse ido à Capadócia. A magnitude do lugar só pode ser realmente contemplada do alto. Vivendo uma experiência única, em meio a exóticas formações rochosas, o passeio não é barato, mas vale cada centavo.

Uma dica: fique atento com a época que estiver indo! No inverno, é difícil de levantar voo, por isso, é importante pagar o passeio na hora, e não antes. Sobre os preços, eles variam de acordo com a empresa e duração do voo, mas espere por algo entre 160 a 165 euros por pessoa. Na hora de contratar e pagar pelo passeio, certifique-se de que a empresa irá pega-lo no hotel – a maioria oferece transfer de ida e volta com um pequeno café da manhã.

Colorful hot air balloons flying over the valley at Cappadocia, Turkey. Volcanic mountains in Goreme national park

Foto por iStock / maroznc

Calmo, tranquilo, prazeroso, emocionante e indescritível– essas são as sensações ao sair do chão. Você não estará sozinho no céu, haverá muitos outros balões, de diversas cores, todos contemplando a bela Capadócia Se estiver entre 9 a 16 pessoas, com grupos de amigos e família, vale negociar um balão somente para o grupo – dependendo, sai até mais em conta.
Durante o voo, o balão ira sobrevoar os principais povoados da Capadócia e as formações rochosas. A melhor época para fazer o passeio é durante o verão, quando o céu fica completamente azul.

Göreme – igrejas, museus e história esculpido nas pedras

Maccan, depois Avcilar e só em 1975, ganhou o nome de Göreme. A cidade que já teve três nomes, possui apenas 6 mil habitantes em sua vila colorida de casas de pedras e hotéis-cavernas que foram tomados por formações rochosas que mais parecem cogumelos. As formações também são conhecidas como “chaminés das fadas”. Repleta de opções de bares, restaurante, cafés e lojas, nenhuma outra área é tão charmosa quanto essa na Capadócia.

A cidade é o ponto de partida para quem deseja conhecer a riqueza cultural da região, que continua viva após as guerras e invasões que sofreu. Para colocar esses passeios no seu roteiro, veja abaixo alguns lugares imperdíveis:

Museu a Céu Aberto de Göreme: este é uma das principais atrações turísticas da Capadócia e é considerado um Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Ele possui um grande conjunto de igrejas construídas em cavernas pelos cristãos entre os séculos X e XIII. Além da figura em si, que já é uma grande atração, outra imagem que chama atenção dos turistas são as pinturas nas paredes – algumas muito bem conservadas. O ingresso para o museu, (R$18,00), e não inclui visitação à Igreja Escura.

Love valley in Goreme national park. Cappadocia, Turkey

Foto por iStock / wjarek

Wallnut Valey: esse vale começa próximo da cidade de Ushiçar, mas pertence a cidade de Göreme. Bastante interessante, o visitante pode entrar em algumas casas nas rochas que são habitadas por pastores e agricultores.

O Parque Nacional Göreme é uma área pitoresca no destino. Por lá, há dezenas de igrejas em construções religiosas trogloditas, todas elas tombadas como Patrimônio Histórico Mundial pela Unesco, junto com os Sítio Rupestres da Capadócia.

Vale do Amor, Rosa e Vermelho: situado no coração da Capadócia, o Vale do Amor é sem dúvidas, um dos principais símbolos e um dos locais mais famosos. Seu nome é devido as rochas de erosão natural; por outro lado, o Vale Rosa e Vermelho é apropriado para a prática do trekking.

Vale Devrent: também conhecido como o Vale da Imaginação ou o Vale Cor de Rosa. A paisagem lunar é o seu diferencial. O vale tem muitas formações rochosas diferentes e está apenas 10 minutos de carro de Göreme. Há diferentes rochas com a forma de animais, dando a ideia de um zoológico esculpido pela natureza.

Ürgüp – tradição na produção de vinhos

Cidade e distrito pertencente à província de Nevsehir, Ürgüp já teve diversos nomes durante toda a sua história, como Osian ou Ossiana e Hagios Prokopios, até finalmente o nome atual, que conserva desde pouco depois da fundação da República da Turquia. A cidade de habitações trogloditas é dona de construções modernas, casas tradicionais e uma grande variedade de hotéis, em que alguns deles possuem quartos escavados na rocha, imitando os hábitos da região. Situada junto a uma colina, o Cerro dos Desejos, Ürgüp possui grande tradição nos vinhos e banhos turcos. Mas se quiser fugir disso, visite o Temmeni, uma subida que poderá desfrutar de vistas magníficas.

Vinícola Turasan: a Turquia é o quinto produtor mundial de uvas e produz vinhos há 6 mil anos. Há cerca de 10 anos, a produção as vinícolas ganharam mais qualidade e prestígio, conquistando ainda mais os apreciadores da bebida mais antiga do mundo. A vinícola Turasan não é grande, mas possui um espaço de demonstração e uma loja, onde é possível pedir para conhecer o espaço e degustar alguns vinhos famosos do lugar.

Red Wine glasses on Red valley background in Cappadocia. Nevsehir Province. Turkey

Foto por iStock / ElenaMirage

Banhos turcos: conhecidos como haman ou hamman, os banhos são uma tradição na Turquia e na Capadócia. Para quem não sabe como os eles funcionam é da seguinte forma: você entrará em um hamman, e será direcionado para a respectiva área (feminina ou masculina) onde você receberá um roupão e acessórios para o banho. O ritual começa com você deitado numa pedra, e um banho que consiste em esfoliação. Depois ensaboa com uma massagem e logo em seguida a retirada do sabão. Após o banho, haverá boxes para lavar o cabelo, sauna e piscina. A maioria dos lugares oferece pacotes completos que podem incluir massagem corporal, facial e até peeling facial e corporal. A apenas 1 km do centro da cidade, o Kayakapi Premium Caves, é uma das opções para o banho na cidade.

Nevsehir – história em mais de cinco mil anos

Nevsehir só se tornou província em 1954, quando a vila de Ürgüp já fazia parte do território de do lugar. A capital da Capadócia é o ponto de partida perfeito para explorar está linda região de mesmo nome. Os primeiros registros datam de 3.000 a.C com relíquias interessantes do período do Império seljúcida. Com clima continental típico quente e árido no verão, frio e chuvoso no inverno, explorar está área é como estar em um museu a céu aberto, entre belas igrejas rupestres, belezas naturais, vales e cidades subterrâneas.

A cidade de Kozakli tem um lugar importante no turismo de saúde da região: as termas de Kozakli, que contêm sódio e cálcio, trazendo bons resultados no tratamento de doenças reumáticas. Além disso, há outras atrações históricas na cidade:

Complexo de Mesquita Damat Ibrahim Pasha: construído entre 1726 e 1727, sob a direção de Damat, em kursunlu. A mesquita é um local aberto para todos e para diversas atividades, como o madrasah, biblioteca, sibyan mektibi, que serve como escola primária; o Imaret, cozinha para alunos de Madrasah; e até mesmo para os típicos banhos turcos. Turistas e moradores de diversas idades e interesses visitam a mesquita.

Nevsehir ,Turkey - October 17 ,2016 :

Foto por iStock / maroznc

Castelo de Nevsehir: aprecie a vista do alto e depois explore as casas, igrejas e corredores confusos, que ficam abaixo da superfície desta montanha, em formato de favo de mel. Conhecido também como Castelo de Uçhisar, é uma grande formação rochosa que se ergue sobre o terreno como um grande formigueiro, repleto de pequenos buracos, e atrai visitantes pela história intrigante, além do belo visual que inclui o Monte Erciyes ao fundo.

Museu de Nevsehir: em 1967, o museu foi localizado no edifício de madrasah, no Complexo de Mesquita Damat Ibrahim Pasha, e depois de 1987, o museu foi transferido para um prédio próprio. Os achados das escavações na região estão expostos no museu em ordem cronológica. Você pode ver muitas peças do período Neolítico ao período bizantino.

Avanos – cerâmica e tapeçaria

A vila de Avanos está localizada nas margens do Kizilirmak, o Rio Vermelho. A cerca de 8 km de Göreme, Avanos tem um centro movimentado com todas as comodidades usuais, incluindo um moderno hamam para os turistas. O bairro antigo da cidade sobe a colina, a partir da zona comercial no centro, é um bonito labirinto de velhas casas de pedra, algumas restauradas outras convertidas e outras, abandonas.

Hands working on pottery wheel

Foto por iStock / willcao911

Não deixe de visitar o Museu Guray e conhecer peças interessantes da cerâmica e pinturas feitas à mão. Outra opção para aproveitar o comércio local é em Chez Galip. Por lá, você poderá aproveitar uma belíssima demonstração de como o barro é trabalhado até virar um jarro. O processo é acompanhado de café turco, chá ou vinho. O tour também inclui uma instrução de como é feita a pintura manual. Os museus sobre barros e cerâmicas dão vida à uma cultura preservada e muito aproveitada na cidade.

SERVIÇOS

Idioma
Turco

Moeda
Lira turca

Fuso Horário
Mais 5 horas em relação ao horário de Brasília

Visto
Brasileiros não precisam de visto para viagens de até 90 dias.

Clima
Melhor época para ir à Capadócia são os meses de setembro a novembro, no outono. Nos meses mais quentes (junho a agosto), o clima é de deserto durante o dia, e de noite a temperatura cai sensivelmente.

Vacina
Não é exigido nenhum tipo de vacina. Mas é importante apresentar o comprovante internacional de vacina contra febre amarela.

Consulado da Turquia em São Paulo
Praça Califórnia, 37 – Jardim Paulista, São Paulo (SP). Tel: (11) 3063-0731. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 9h às 13h. Informações: saopaulo.bk.mfa.gov.tr/Mission

Consulado do Brasil em Istambul
Askerocagi Caddesi, 6, Elmadag, Sisli-Istanbul. Tel: (+90) 212 252 0013. O horário de atendimento do consulado pode variar. Informações: istambul.itamaraty.gov.br/pt-br/

Onde ficar
Göreme
Maccan Cave Hotel

Nevsehir
Kapadokya Hill Hotel & Spa

Ürgüp
Hotel Cave Konak

Avanos
Hanimkiz Konagi

Onde comer
Göreme
Topdeck Cave Restaurant

Nevsehir
Han Restaurant

Ürgüp
Dimrit Café & Restaurant

Avanos
Seyyah Han

Pacotes turísticos
Decolar
Flot
CVC

Informações turísticas: lonelyplanet.com/turkey/cappadocia-kapadokya

Texto por: Caroline de Oliveira

Foto destaque por iStock / goinyk

Comentários