logo

Telefone: (11) 3024-9500

Arraial do Cabo e Cabo Frio: descubra esse Paraíso do Atlântico | Qual Viagem Logo

Foto por IStock/ Henrique_Wayhs

Arraial do Cabo e Cabo Frio: descubra esse Paraíso do Atlântico

9 de março de 2017

Arraial do Cabo: onde a lua cheia clareia o velho mar” – assim diz a placa de boas-vindas logo na entrada da cidade. O “velho mar”, em questão, chega todo transparente às areias brancas das praias, pronto para se tornar a principal atração turística da cidade. Suas lagoas e praias cristalinas, dunas de areia branquíssima e belos mirantes conquistam a preferência de milhares de turistas há muitos anos. Localizada dentro da Região dos Lagos, a apenas 140 quilômetros do Rio de Janeiro, Arraial do Cabo era distrito de Cabo Frio até 1985. O “Paraíso do Atlântico” tem visto a intensidade de turistas em busca de banho, pesca e prática de esportes náuticos aumentar muito nos últimos anos. Além do sol em qualquer época do ano, o clima quente e úmido tem temperatura média de 25 graus no verão e variação entre 17 e 23 graus no inverno.

Foto por Istock/ Ryan_Henrique

Foto por Istock/ Ryan_Henrique

A tranquilidade é outro ponto forte de Arraial do Cabo, mesmo durante a alta temporada. Por ter algumas das melhores praias do Brasil e o mar transparente, de cores “à la Caribe”, a cidade se tornou conhecida também como a “Capital do Mergulho”: são 200 pontos de mergulho, repletos da bela vida marinha, fendas e até naufrágios. Os passeios de barco também são bastante requisitados.

Praia do Farol 

Um dos passeios imperdíveis de barco é a Ilha do Farol. O embarque é feito na Praia dos Anjos e passa pelas prainhas do Atalaia e Gruta Azul. A praia do Farol, considerada uma das mais bonitas do município, só é acessível de barco. A Ilha do Farol tem cinco quilômetros de extensão e picos de até 390 metros de altitude. Nela se encontram as ruínas do Farol Velho (construído em 1833) e da casa do faroleiro. Desse ponto, avista-se toda a Região dos Lagos. A densa neblina no local, que motivou a desativação do farol, dá certo ar de mistério à paisagem. A praia é protegida pela marinha e o número de visitantes é controlado. Por isso mesmo, é aconselhável reservar o passeio com antecedência. O tempo de permanência no local é de uma hora.

Prainha

A Prainha é uma das primeiras locais a se visitar ao chegar em Arraial do Cabo devido à facilidade de acesso. A praia é extensa, ideal para quem gosta de multidões, principalmente aos fins de semana e alta temporada. O canto esquerdo é o melhor ponto para fotos.

Pontal do Atalaia 

As prainhas do Pontal do Atalaia se unem na maré baixa. O acesso se dá de carro, por dentro do Condomínio Pontal do Atalaia (a entrada é liberada mediante identificação) localizado no alto do morro, ou de barco, a partir da praia dos Anjos. O visual é espetacular, ponto de reunião de muitos para assistir ao pôr do sol. Outro belo ponto para acompanhar o entardecer é na Praia Grande – uma das praias mais movimentadas e extensas de Arraial.

Foto THIAGO.LOPES

Foto THIAGO.LOPES

Praia Grande 

Como o próprio nome diz, Praia Grande é uma das praias mais extensas de Arraial do Cabo. Além de um dos belos pontos de referência para assistir ao por do sol, a praia é uma das mais centrais da cidade e tem boa estrutura de restaurantes à beira- -mar. Uma das atrações do local é a estátua da atriz Flávia Alessandra, que nasceu na cidade.

Praia dos Anjos 

A Marina dos Pescadores, na Praia dos Anjos, é o  ponto de partida dos passeios de barco. Talvez sua vocação para navegações venha de Américo Vespúcio, primeiro navegador a aportar no local, em 1503. Os passeios, em média, têm três horas de duração. Na praia dos Anjos também se encontram a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, a Casa de Pietra e casarios históricos.

Praia do Forno 

Bem ao lado da praia dos Anjos, a Praia do Forno – considerada uma das melhores para banho. O acesso é feito somente por trilha (cerca de 30 minutos) ou por barco.

Praia Brava 

A Praia Brava fica dentro do Pontal do Atalaia e para chegar até ela é preciso caminhar durante 15 minutos por trilha. O local é tão desértico quanto belo, porém recomenda-se ir durante a maré baixa, a fim de evitar o mar violento. A dica, claro, não vale para surfistas.

Um mergulho na beleza de Cabo Frio

Foto LUCIANOGUYDON

Foto LUCIANOGUYDON

No mundo dos mergulhadores, Cabo Frio está entre as principais cidades do país para a prática do esporte. A diversificada vida marinha está presente nas Ilhas Comprida e do Papagaio. A Ilha Comprida é a mais visitada da região. Nela se encontram excelentes abrigos para os ventos de todos os quadrantes predominantes. As tartarugas e arraias-prego são bastante comuns, principalmente em mergulhos noturnos. São também as mais procuradas para mergulho de credenciados ou batismo (mergulho monitorado para inexperientes). Há outras diversas opções de mergulho, dentre elas, nas proximidades da Praia do Forte e na Praia das Conchas. Passear de barco também é outra atração bastante procurada em Cabo Frio. Entre 8h e 16h, escunas, traineiras e lanchas partem constantemente do Canal do Itajuru em direção à bela Lagoa de Araruama, Ilha do Japonês e praia Brava. Os passeios têm duração variada: de uma a três horas.

Orla da Praia do Forte 

Praia do Forte é a mais famosa e concorrida praia de Cabo Frio. Com 7,5 quilômetros de extensão, águas transparentes, geladas e cristalinas e fina areia branca, a área conta com charme de seu calçadão e do Forte São Mateus – construído por volta do ano de 1620, logo no início da praia, à sua esquerda. Por ali, pistas de skate, bicicletas e lanchonetes.

Praia do Peró 

A oito quilômetros do Centro, embora menos badalada e mais afastada que a Praia do Forte, a Praia do Peró é sempre bem movimentada. De águas mornas, transparentes e areia fina, Peró é conhecida como de poluição zero. Bastante procurada pelos surfistas, sua extensão de sete quilômetros de águas limpas tem temperatura amena. A parte urbanizada é tomada por casas de veraneio e barracas enquanto o canto esquerdo abriga dunas de areia branca e fina. O ambiente é familiar e o bom atendimento das barracas a coloca entre os melhores pontos de praia da cidade.

Forte São Mateus

Localizado no início da Praia do Forte, o histórico Forte São Mateus foi construído em 1817 como área de defesa de invasões. No local ainda restam canhões apontados para o mar e bela vista panorâmica, ideal para fotos. É também área de exposições de arte e artesanato locais. Tombado pelo Iphan, o Forte, juntamente com a Praia do Forte, compõem um dos mais belos cartões postais da cidade. Convento Nossa Sra. dos Anjos Não são somente as praias os principais atrativos de Cabo Frio. Um passeio no centro da cidade leva ao Convento Nossa Sra. dos Anjos, construção datada do século XVII, onde é o atual museu de Artes Sacras.

Foto PRAIASEPARAISOS / EVANDRO CARVALHO

Foto PRAIASEPARAISOS / EVANDRO CARVALHO

 Rua dos Biquínis

Do outro lado do Canal, a “Rua dos Biquínis”. Na verdade, um calçadão, depois da reforma. A área ganhou cobertura e faz lembrar uma grande galeria, cheia de lojas de biquínis produzidos diretamente das fábricas instaladas na cidade. Há produtos para diversos gostos e tendências: saídas de praia, modelos de duas peças, sungas, maiôs, roupas de ginástica e de verão. As lojas, em geral, não fecham antes das 20h.

Parque das Dunas

Prepare os óculos. As areias trazidas pelo vento até incomodam, mas não o suficiente para atrapalhar o turista de contemplar esse patrimônio natural protegido por lei. O acesso ao local pode ser feito por caminhada pela praia do Forte ou sobre o belo conjunto de dunas, entre elas a Duna Mãe. Esta última opção, mais divertida, garante linda vista da praia e também é o ponto ideal para se apreciar o pôr do sol.

Como chegar 

Cabo Frio e Arraial do Cabo estão a 14 quilômetros de distância. As recomendações são as mesmas para os dois destinos:

Avião: A empresa aérea Azul opera voos regulares para Cabo Frio com saída do Rio de Janeiro, Campinas e Belo Horizonte.

Carro: do Rio de Janeiro, seguir pela Ponte Rio-Niterói e pegar a rodovia Niterói-Manilha (BR-101), rodovia Rio Bonito-Araruama (RJ-124), Via Lagos (até São Pedro D’Aldeia) e RJ-140.

Ônibus: A Viação 1001 serve a Região dos Lagos.

Informações: autoviacao1001.com.br 

Onde ficar

ARRAIAL DO CABO

Varandas ao Mar Hotel

Pousada Caminho do Sol

Pousada da Prainha

CABO FRIO

Hotel Marlen

Paradiso Del Sol

Pousada Chez Moi – Chez Toi

Pacotes Turísticos

ARRAIAL DO CABO

arraialdocabohotel.com.br
expedia.com.br
booking.com

CABO FRIO
cvc.com.br
visualturismo.com.br

Texto por: Pedro Teixeira

Foto destaque por IStock/ Henrique_Wayhs

Comentários