logo

Telefone: (11) 3024-9500

Santuário do Caraça: um roteiro turístico de imersão na natureza e história | Qual Viagem Logo

Foto via Complexo do Caraça

Santuário do Caraça: um roteiro turístico de imersão na natureza e história

20 de agosto de 2018

Composto por quase 13 mil hectares de mata atlântica e serrado, o Santuário do Caraça fica localizado entre os municípios de Catas Altas e Santa Bárbara, e recebeu o título de uma das 7 maravilhas da Estrada Real. Vista de longe, quem chega a serra, se depara com enormes rochas que se assemelham a um rosto humano de perfil, por isso o nome Caraça, que quer dizer “cara grande”. E no meio da mata, uma construção do século 19 chama a atenção por destoar de todo o verde da paisagem daquele lugar e, ao mesmo tempo, se misturar tão bem.

O Santuário do Caraça é parte da Serra do Espinhaço, e fica a cerca de 120km do início do roteiro do caminho religioso da Estrada Real, uma peregrinação de mais de mil quilômetros até Aparecida do Norte, em São Paulo. Fundado em 1774 pelo Irmão Lourenço de Nossa Senhora, um português que veio para o Brasil e resolveu se afastar de tudo para se dedicar a fé, encontrando na região central de Minas Gerais o lugar que seria seu refúgio. O Santuário do Caraça era, inicialmente, um pequeno oratório para peregrinos que também buscavam o isolamento para se conectar com o Divino.

Foto via Complexo do Caraça

Foto via Complexo do Caraça

Quando o Irmão Lourenço faleceu, ele doou em testamento o terreno para a Igreja Católica com a condição de que ali abrigasse um colégio para meninos e um seminário para padres. Atendendo aos desejos de seu fundador, em abril de 1820 foi inaugurado o Colégio do Caraça, recebendo seus quatro primeiros alunos. Por 150 anos o Colégio do Caraça foi referência entre os colégios internos brasileiros, oferecendo educação de qualidade para garotos de todas as partes do país. Além do Colégio, o espaço abrigava um seminário para formação de padres e a primeira igreja católica construída no estilo neogótico do Brasil. Os lindos vitrais da Igreja de Nossa Senhora Mãe dos Homens foram produzidos na França a mando do próprio Imperador Dom Pedro II, que resolveu presentear o lugar após uma passagem que o deixou maravilhado.

Em 1968 um terrível e acidental incêndio tomou o primeiro andar do Colégio do Caraça, transformando em cinzas boa parte da história do local. Alguns livros, os vitrais e outros itens conseguiram ser salvos e garantiram a preservação da história do Colégio que ainda traz boas lembranças para os meninos que lá viveram, como o atual Diretor do Santuário, Padre Lauro Palú.  Após o incêndio, com os esforços da Igreja e da sociedade como um todo, o lugar foi restaurado, mas não mais para ser um colégio e seminário, e sim para ser um santuário de preservação e conscientização ambiental

Foto via Complexo do Caraça

Foto via Complexo do Caraça

O Santuário do Caraça abriga diversas espécies da flora e fauna, algumas presentes somente na serra, trilhas que levam a rios, piscinas naturais e quedas d’água. Hoje, no local existe um museu que conta toda a sua história, desde a fundação; uma biblioteca com raros e antigos exemplares; celebrações de missas diárias, na linda igreja neogótica; além de um confortável hotel e um restaurante com a deliciosa gastronomia da região, tudo isso para proporcionar aos visitantes um contato com a natureza em uma experiência mágica.

Foto via Complexo do Caraça

Foto via Complexo do Caraça

O Santuário do Caraça funciona todos os dias da semana, das 08h às 17h, e a entrada para visitação custa, a partir de R$ 12,00. A hospedagem, com pensão completa, varia entre R$ 143,00 e R$ 220,00, por pessoa, a diária, dependendo da acomodação.

Serviço

Santuário do Caraça

Local: Estrada do Caraça, KM9 – Entre os municípios de Barão de Cocais, Catas Altas e Santa Bárbara – CEP 35969-000

Fácil acesso pelas rodovias BR 381 e MG 436, além do charmoso acesso por trem (Estação Dois Irmãos – Barão de Cocais/MG)

Horário de Funcionamento para visitação: Todos os dias, das 08h às 17h

Mais Informações: www.santuariodocaraca.com.br

Texto por Agência com edição de Carolina Berlato

Imagem Destacada via Complexo do Caraça

Comentários