logo

Telefone: (11) 3024-9500

As mais impressionantes cavernas de gelo e glaciares | Qual Viagem Logo

Vatnajökull - the largest glacier in Iceland.

As mais impressionantes cavernas de gelo e glaciares

5 de junho de 2018

Que tal sair da rotina e conhecer destinos bem alternativos? As cavernas de gelo e as glaciares são uma ótima opção para quem quer conhecer a natureza em seu estado bruto e mais belo impossível.

As cavernas no geral são formadas quando água ácida penetra o solo, entrando em contato com o calcário – é no terreno calcário que grande parte das cavernas se formam – e o dissolve, deixando um oco.

O mesmo processo acontece com as cavernas de gelo, no entanto, devido a sua localização – geralmente em lugares frios – as temperaturas estão abaixo de 0°, o que causa o congelamento da água que chega até o solo. As cavernas dentro das geleiras passam pelo mesmo processo, apenas o nome que muda.

Confira algumas cavernas de gelo e glaciares ao redor do mundo que você não pode deixar de conhecer:

Nigardsbreen – Noruega

Foto via iStock/ OlgaMiltsova

Foto via iStock/ OlgaMiltsova

Uma das cavernas que mais tem fácil acesso para chegar é a de Nigardsbreen, na Noruega. Localizada no vale de Jostendalen, a uma altitude próxima de 300 metros acima do mar, a sensação é de estar nos alpes.

Crianças acima de cinco anos podem praticar a caminhada na geleira e se juntar aos guias dentro da caverna.

Eisriensenwelt – Áustria

Foto via iStock/ fotofritz16

Foto via iStock/ fotofritz16

Localizada a cerca de 40 km de Salzburgo, na pequena cidade de Werfen, fica a maior caverna de gelo do mundo. O nome Eisriensenwelt, traduzido do alemão, significa “Terra dos Gigantes de Gelo” e, segundo as lendas locais, é ali que existe uma entrada para o mundo inferior.

A caverna possui uma entrada enorme, com 20 metros de altura e 18 de largura, além de estar a 1000 metros de altitude. E apesar de possuir 42 km de extensão, apenas 1 km está aberto para visitação guiada com especialistas – já que a caverna é um monumento nacional. O destaque fica principalmente com as formações de gelo apelidadas de Órgão de Gelo, Palácio de Gelo e Castelo de Hymir.

Fox Glacier – Nova Zelândia

Foto via iStock/ naumoid

Foto via iStock/ naumoid

A vila de Fox Glacier está localizada nos montes de Southern Alps e abrange toda a geleira, além de vila vizinha.

Para chegar até a geleira, é possível chegar fazer uma boa caminhada, mas também é viável contratar um serviço de guia, onde o visitante pode conhecer, além geleira, a caverna com vagalumes, conhecer o centro do vilarejo e até mesmo visitar o Lake Matheson, um dos mais fotografados do país – e que em dias ensolarados reflete o Monte Cook.

Vatnajökull – Islândia

Foto via iStock/ Anna_Om

Foto via iStock/ Anna_Om

A maior geleira da Europa possui uma extensão de mais de 8 mil quilômetros quadrado e cobre cerca de 8% do território do país.

O Parque Nacional de Vatnajökull é muito popular para aqueles que curtem esportes no gelo, principalmente a área de Skatafell. É também em Vatnajökull que está localizado o maior pico sob o gelo da Islândia, o Hvannadalshnjúkur, que fica a 2.200 metros de altitude. Além disso, existe uma concentração de vulcões, sendo eles o Grimsvotn, Öraefajökull e Bárdarbunga – esse último está em constante monitoramento devido a chances de erupção.

O visitante pode escolher diversas maneiras de conhecer as geleiras e seus arredores, entre tours para visitar a região por um dia ou campings que duram até 8 dias.

Perito Moreno – Argetina

Foto via iStock/ Zaharov

Foto via iStock/ Zaharov

Situado na província de Santa Cruz, é conhecido como o “Gigante Gelado” da Patagônia e já foi considerado a Oitava Maravilha do Mundo, devido a sua imensidão glacial.

O glaciar de Perito Moreno é bem acessível e o visitante pode fazer um safári náutico para conhecê-lo, podendo navegar nas águas em seu entorno. Outra opção é admirar a enorme geleira nas passarelas ao longo do local, além disso tudo, existe a opção de conhecer de pertinho e até mesmo caminhar em cima de seu gelo. Depois de duas horas de caminhada, é servido um copo de whisky com cubinhos de gelo do próprio Perito Moreno.

Mendenhall – Alasca

Foto via iStock/ chaolik

Foto via iStock/ chaolik

O sétimo maior corpo glacial fica localizado em Juneau e Mendenhall é a maior geleira do Alasca.

Além de poder conhecer as cavernas glaciais que são imensas – e muito geladas – o visitante pode conhecer outras atrações no Mendenhall, como a cachoeira Nugget Falls, lagos – onde se pode praticar caiaque enquanto tem uma bela visão panorâmica da geleira e a fauna e flora que rodeiam os outros lados do glacier.

Texto por: Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock/ Stanson

Comentários