logo

Telefone: (11) 3024-9500

5 destinos "mal assombrados" para conhecer no Brasil | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ Alfribeiro

5 destinos “mal assombrados” para conhecer no Brasil

31 de julho de 2018

Repleto de lugares incríveis e com paisagens exuberantes, o Brasil também se destaca no quesito sobrenatural. Vultos, portas rangendo, sussurros e janelas batendo. Se você curte histórias de assombrações, fantasmas, poltergeists, confira as dicas de cidades com endereços assustadores que o Peixe Urbano selecionou para você conhecer e se arrepiar.

A cidade de São Paulo concentra vários lugares considerados mal assombrados. Um deles é o Theatro Municipal. Dizem que espíritos de artistas se apresentam por lá até hoje. Outro local temido é Castelinho da Rua Apa, onde uma família morreu assassinada em 1937. O Edifício Joelma também entrou para a memória dos paulistas após ser atingido por um incêndio, em 1974, deixando quase duzentos mortos e dezenas de feridos. Desde então, há relatos de que assombrações vagam por lá.

Foto por IStock/ alffoto

Foto por IStock/ alffoto

No Rio de Janeiro, a sugestão é o visitar o Castelinho do Flamengo, na Zona Sul da cidade, onde Maria de Lourdes, de 10 anos, foi tutorada pelo advogado de seus pais, que haviam morrido num trágico acidente no bairro. Cansada de ficar presa na torre do local, a menina se jogou de lá e morreu. A história conta que o fantasma dela ainda vaga pela casa e que são ouvidos gritos, risos e barulhos de objetos caindo até hoje. Atualmente, no prédio funciona o Centro Cultural Oduvaldo Vianna Filho.

Foto reprodução: rio.rj.gov.br

Foto reprodução: rio.rj.gov.br

Outra opção é a Praia dos Padres, em Guarapari, no Espírito Santo. A praia ganhou esse nome após moradores convocarem sacerdotes para exorcizar espíritos que vagavam pela região. Muitos turistas já relataram ter ouvido vozes, além de visto a silhueta de um índio no local.

Foto por Istock/ OrleiJr

Foto por Istock/ OrleiJr

Já em João Pessoa, na Paraíba, um roteiro assustador tem que ter o Teatro Santa Roza na lista. O espaço foi inaugurado em 1889 e, de acordo com os moradores, espíritos vivem por lá. Segundo relatos, vultos já foram vistos e as janelas e portas do local abrem e fecham sozinhas. A lenda é que antes da construção do prédio, algumas pessoas foram assassinadas e enterradas no terreno.

Foto por turismo.joaopessoa.pb.gov.br/ Rafael Passos

Foto por turismo.joaopessoa.pb.gov.br/ Rafael Passos

Distrito Federal também tem muitas histórias de assombração. A mais famosa delas relata aparições de trabalhadores que eram explorados durante a construção de Brasília, conhecidos como Candangos. Muitas pessoas contam que já viram vultos deles vagando por várias partes da cidade.

Foto por Istock/ VelhoJunior

Foto por Istock/ VelhoJunior

Fonte: Peixe Urbano

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ Alfribeiro

Comentários