logo

Telefone: (11) 3024-9500

Hotéis oferecem benefícios para quem quer relaxar enquanto trabalha | Qual Viagem Logo

cl-001-by-samuel-melim

Hotéis oferecem benefícios para quem quer relaxar enquanto trabalha

9 de abril de 2021

Em pouco mais de um ano após o início da pandemia no Brasil, se reinventar para um novo estilo de vida já virou rotina. Na indústria do turismo, um dos setores mais afetados pela crise, não é diferente. Novos modelos de negócios, já adaptados à atual realidade sanitária, surgiram e vieram para ficar. Termos em inglês para definir essa nova onda aliás, é o que não faltam. Caso do “workcation”, expressão designada para todos aqueles que buscam um pouco de conforto e lazer em hotéis, resorts ou casas alugadas enquanto trabalham de forma remota.

O novo termo, ou oportunidade de negócios para o setor hoteleiro, a propósito, vem fazendo sucesso. O chamado “novo normal”, onde o trabalho pode ser feito de qualquer lugar, confirma a tendência. Uma série de hotéis e resorts nacionais, inclusive, já surfam na onda ao oferecer pacotes vantajosos para quem quer se desligar da rotina doméstica.

Foto por Samuel Melim

Foto por Samuel Melim

Um bom exemplo disso é o Cristalino Lodge, um dos 25 melhores ecolodges do mundo segundo a National Geographic Travel. Além de oferecer descontos progressivos para quem escolher o hotel, situado no sul da floresta amazônica, como “escritório” em estadias mais longas, o empreendimento irá reverter parte da renda arrecadada com as hospedagens para o projeto social Fortalecer, da Fundação Cristalino Lodge, que capacita bordadeiras da região.

O projeto visa o ensino de uma nova oportunidade de negócios para as mulheres da região de Alta Floresta, no Mato Grosso, área onde está inserido o ecolodge, por meio de workshops. A ideia por trás da iniciativa é que as bordadeiras aprendam não somente as técnicas de bordar, mas também a comercializar seus trabalhos, criando produtos de artesanato que beneficiam toda a cadeia do turismo regional.

Além das vantagens econômicas e sociais promovidas pelo Cristalino Lodge para incentivar novos hóspedes adeptos do workcation, o empreendimento ainda garante internet de alta velocidade, bangalôs equipados com mesa de leitura com vista para a floresta e, claro, uma grande variedade de experiências de lazer para quem quiser relaxar entre as reuniões do dia a dia.

Foto por Six Senses Botanique / Divulgação

Foto por Six Senses Botanique / Divulgação

Outro empreendimento hoteleiro que entrou na onda do workcation é o elegante e recém inaugurado Six Senses Botanique, o primeiro e único da luxuosa Six Senses nas Américas, que desembarcou no Brasil este ano, na Serra da Mantiqueira. Além de ser o destino ideal para quem busca isolamento com segurança fora dos grandes centros urbanos, o hotel está oferecendo cortesia de uma noite para quem reservar quatro ou mais diárias neste oásis de tranquilidade.

Localizado no Triângulo das Serras, região que compreende os municípios de Santo Antônio do Pinhal, São Bento do Sapucaí e Campos do Jordão, o empreendimento oferece mais de 1,2 milhões m² de paisagens naturais, que garantem toda a paz e a tranquilidade necessárias para quem precisa trabalhar, mas não abre mão do conforto e qualidade de vida.

 

Foto por Bruno Souza

Foto por Bruno Souza

No Nordeste, o Pratagy Beach All Inclusive Resort, de Maceió, também surge como opção para aqueles que estão procurando dias mais calmos e tranquilos em meio à agitada rotina de trabalho. Com a paradisíaca e semi-privativa Praia de Pratagy como cenário, os hóspedes podem aproveitar o delicioso clima praiano, típico de Alagoas, para relaxar antes ou depois da sua jornada de trabalho.

Famílias com crianças também saem em vantagem ao escolher o resort para um workcation, já que poderão utilizar a ampla estrutura de lazer oferecida pelo Pratagy para o entretenimento dos seus filhos enquanto trabalham. O regime all inclusive também garante outro benefício único para os hóspedes: não é preciso se preocupar com alimentação, tão pouco com a conta no fim da estadia. E o happy hour é liberado.

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: Samuel Melim

Comentários