logo

Telefone: (11) 3024-9500

SeaWorld com novidades imperdíveis | Qual Viagem Logo

"Orlando, USA - November 13, 2007: Aerial view of the Sea World  Orlando - one of seventh-most visited amusement park in the United States - situated on intersection of Interstate 4 and FL 528 (Bee Line Expressway)"

SeaWorld com novidades imperdíveis

8 de novembro de 2016

Os parques da SeaWorld Parks & Entertainment oferecem muita diversão com atrações radicais e tecnológicas para as famílias viverem momentos especiais. Para proporcionar entretenimento e diversão, o parque tem um trabalho duro com a preservação dos animais e recebe ajuda dos veterinários que estão sempre em busca de conhecimento para oferecerem o melhor ambiente dentro e fora do parque para os bichinhos.

O Rising Tide Project é um projeto colaborativo sem fins lucrativos, que teve início com o SeaWorld Parks & Entertainment em 2009. O Objetivo deste projeto é desenvolver métodos de reprodução de peixes ornamentais de água salgada para oferecer uma alternativa sustentável aos aquários, assim, evitando a retirada dessas espécies da natureza. Um dos obstáculos mais desafiadores do Rising, é a produção da espécie Tang azul, bastante popular e a mais difícil de reproduzir em ambiente controlado.

View of one of the tropical pools of the Genova Aquarium

Foto por iStock / afinocchiaro

A espécie de gorila-ocidental-das-terras-baixas vive nas florestas tropicais da África ocidental e está ameaçada de extinção. Um macho dessa espécie, Oliver, nasceu recentemente no Busch Gardens. Oliver vem recebendo cuidadas da sua mãe, Mary, de 28 anos, e de seu pai Bolingo, 10 anos, que também nasceu no parque. Esse nascimento faz parte do Species Survival Plan, que o Busch Gardens mantém em parceria com a Association of Zoos and Aquarium, que tem como missão gerenciar cooperativamente as populações de determinadas espécies como zoológicos e aquários para aumentar os projetos de preservação das espécies.

A atração Antarctica, Empire of the Penguin, no SeaWorld Orlando, apresenta um pinguim diferente dos outros, pois está usando uma roupinha muito especial. Um pinguim fêmea da espécie Adélia recentemente sofreu uma perda de penas e com isso, teve dificuldades para regular sua temperatura corporal naturalmente. A equipe de avicultores do SeaWorld desenvolveu uma roupa de mergulho com o formato do corpo da ave, que imita seu antigo “casaco de penas”. O modelito foi costurado pelo departamento responsável pelas roupas dos mergulhadores. Agora, usando sua nova roupa, o pinguim pode nadar, dormir e comer junto de seus amigos.

Texto por Agência com edição de Caroline de Oliveira

Foto destaque por iStock / zhuzhu

Comentários