logo

Telefone: (11) 3024-9500

Uma viagem para os amantes da gastronomia | Qual Viagem Logo

Spritz is a traditional Italian cocktail very popular nowadays, enjoyed before or during dinner. It is very refreshing and it has different variations. Always served in a wine glass.

Uma viagem para os amantes da gastronomia

27 de dezembro de 2017

Se na hora de planejar uma viagem você pensa nas opções gastronômicas que o destino apresenta, Bariloche deve ser um dos seus destinos obrigatórios. A pequena cidade da Patagônia Argentina oferece muitas opções para os amantes de cervejas, chocolates, carnes, peixes e chás.

Alimento dos Deuses

Um dos atrativos turísticos mais famosos de Bariloche é o chocolate artesanal. Considerada a capital nacional do chocolate, a cidade oferece diversas chocolaterias com uma vasta opção de sabores e misturas para o doce. Além dos visitantes poderem acompanhar o processo de criação dessas delícias de perto, também é possível visitar o museu construído em homenagem ao que já foi considerado o “alimento dos deuses.”

Assortment of fine chocolate candies, white, dark, and milk chocolate Sweets background Copy space Top view

Foto por iStock / AnnaPustynnikova

A principal rua de Bariloche, no centro, é um irresistível e autêntico “passeio do chocolate”. É ali que se realiza a Festa Nacional do Chocolate, durante a Semana Santa.

Ouro Líquido

Outro produto artesanal que ganha cada vez mais reconhecimento, são as cervejas. A cidade possui diversas cervejarias que se empenham em criar bebidas diferentes e únicas.

pouring amber beer into mug with bratwursts in background close up

Foto por iStock / rez-art

As opções de sabores são plurais e para todos os paladares. São aproximadamente 25 empreendimentos entre bares e fábricas dedicados à bebida. A estimativa é que sejam produzidos mais de dois milhões de litros de cerveja por ano

Técnica milenar

Os amantes de uma boa refeição podem desfrutar dos pratos típicos da patagônia. Diferentemente dos churrascos de chão da região dos pampas, na Patagônia, é mais comum a utilização de trutas e salmão, muito comum nos lagos da região, além de carneiros e javalis. Muito difundida no Chile, a técnica chamada curanto também pode ser encontrada no preparo dos alimentos locais. Nela, é cavado um buraco de aproximadamente 15cm no chão, colocam-se pedras quentes e o alimento cozinha nesse forno natural por algumas horas. A técnica é milenar e influência dos povos nativos – se encontra na pitoresca Colônia Suíça, a poucos minutos do centro de Bariloche.

Traditional food in Patagonia

Foto por iStock / claudiio Doenitz

Andando pelo centro de Bariloche é possível encontrar diversas casas de chá, que além da bebida oferecem diversas opções de doces e salgado. Uma ótima pedida para um lanche da tarde.

Mais informações: www.barilocheturismo.gob.ar

Texto por: Agência com edição de Caroline de Oliveira

Foto destaque por iStock / Lucas Ranzuglia

Comentários