logo

Telefone: (11) 3024-9500

Próxima estação: Armênia | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ YuliaGr

Próxima estação: Armênia

24 de novembro de 2016

Pequena e peculiar, a Armênia é um desses países que não figuram no imaginário do viajante comum, mas que tem tudo para agradar durante uma visita. Localizado na Eurasia, nas fronteiras da Turquia, já representou um grandioso império e hoje mostra que, apesar de ter um passado triste, preserva o que há de melhor em sua história milenar e em seu povo.

Foto por Istock/ bbbrrn

Foto por Istock/ bbbrrn

Sendo o primeiro país a adotar o cristianismo como religião oficial – em 301 – o lugar guarda mosteiros e igrejas que valem uma visita por si só.

Destaque para o Mosteiro de Khor Virap, já quase na fronteira com a Turquia, que antigamente abrigava uma prisão subterrânea. E as catedrais de Etchmiadzin – a matriz da Igreja Apostólica Armênia – e de São Gregório que ficam, respectivamente, em Vagharshapat e na capital Yerevan.

Foto por Istock/ Ivan_Varyukhin

Foto por Istock/ Ivan_Varyukhin

E por falar na capital armênia, ela é o ponto de chegada ao país e reserva bons momentos aos seus visitantes. Sua arquitetura, que reflete bastante o momento soviético, ganha cor graças às pedras-tufo que foram usadas na construção e dão um tom rosado às fachadas dos prédios históricos.

A Praça da República é o principal ponto da cidade, abrigando os prédios do governo, o Museu Histórico Nacional e um hotel Marriot. Perto dali, estão também os importantes Parque da Vitória, Cascata, Praça da Liberdade e o triste, porém revelador, Museu do Genocídio, que retrata a história dos mais de 1,5 milhão de mortos pelo Império Otomano.

Foto por Istock/ 1255k

Foto por Istock/ 1255k

A capital também tem bons restaurantes e uma cultura rica de cafés espalhados pelas ruas. Vale curtir um fim de tarde apreciando as fontes, os parques ou a peculiar arquitetura da cidade em um bom café.

Muito além do centro urbano, a Armênia guarda um grande tesouro. A natureza local é exuberante e variada, apesar do tamanho do país – que equivale a ao estado brasileiro do Alagoas.

Por lá, lagos cristalinos, montanhas alpinas, vales verdejantes e canyons são os principais atrativos aos turistas. Talvez por isso o destino seja comumente considerado o ‘Jardim do Éden’.

Foto por istock/ mariusz_prusaczyk

Foto por istock/ mariusz_prusaczyk

A culinária armênia é farta e inspirada tanto no Ocidente quanto nas iguarias árabes. E lá, o produto nacional mais famoso já foi recomendado por grandes nomes como o do primeiro-ministro britânico Winston Churchill. O conhaque do país é considerado um dos melhores do mundo e, para os visitantes mais chegados na bebida, há a possibilidade de provar diversas variedades da bebida.

Como chegar

Não há voos diretos do Brasil para a Armênia, porém, é possível viajar para a capital Yerevan via Paris, Moscou, Kiev, entre outras capitais. Air France, LATAM e KLM fazem o trecho, com até duas paradas.

Onde ficar

Republica Hotel Yerevan

Tufenkian Historic Yerevan Hotel

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ YuliaGr

Comentários