logo

Telefone: (11) 3024-9500

7 lugares gratuitos para conhecer na capital mineira | Qual Viagem Logo

img_4632

7 lugares gratuitos para conhecer na capital mineira

9 de maio de 2017

Belo Horizonte, conhecida também como destino cultural, é cercada por roteiros, passeios e lugares que envolve o público com história, lazer, diversão e beleza, tanto em sua arquitetura moderna quanto histórica. Além disso, a capital de Minas Gerias oferece muitos atrativos gratuitos para o entretenimento de todos.

Confira abaixo 7 lugares gratuitos e fantásticos na cidade mineira que, além de lindos e boas opções de lazer, são conhecidos mundialmente, servem de cartão-postal da cidade e são perfeito para compras:

CCBB

img_4514

Foto por Caroline de Oliveira

A Praça da Liberdade é a localização de muitos lugares importantes da cidade que ajudam a contam sua história, evolução e desenvolvimento desde 1897. O prédio que hoje abriga o Centro Cultural Banco do Brasil está situado na praça desde 1926, e funciona como museu desde 2013. O lugar faz parte do Circuito Liberdade, complexo de antigos prédios da administração pública que se tornaram espaços de cultura, artes e lazer, em um dos mais belos cartões postais da capital. Além de abrigar galerias de exposições, o CCBB também tem um espaço para teatro onde circulam espetáculos de música e dança. Um atrativo interessante no prédio é o espaço com bar, restaurante e café, que está localizado no pátio.

 

Memorial Minas Gerais Vale

img_4459

Foto por Caroline de Oliveira

O museu tem uma proposta de unir o passado, futuro e contemporaneidade de Minas Gerais, mostrando suas raízes contadas de forma original e interativa. Cenários reais e virtuais atraem o visitante e fazem qualquer um viajar ao passado da cidade. O Memorial está aberto desde 2010, mas antes disso o prédio era a sede da Secretária do Estado e da Fazenda de Minas Gerais. Sua construção de 1897 é tombada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de MG e é um dos prédios antigos que completam o Circuito Liberdade.

Praça da Liberdade

img_4479

Foto por Caroline de Oliveira

Inspirada nos jardins do Palácio de Versalhes, na França, a praça é um dos principais cartões-postais da cidade. Além de abrigar 12 espaços culturais também é refúgio e opção de lazer para moradores e turistas. No final da tarde, o lugar fica cheio de jovens, casais, famílias, amigos e até mesmo praticantes de corrida e caminhada.

Praça Israel Pinheiro – Praça do Papa

img_4055

Foto por Caroline de Oliveira

Em 1980 a Praça Israel Pinheiro ficou conhecida como a Praça do Papa após uma missa campal que foi realizada no local pelo Papa João Paulo II. O mesmo ainda disse “Que belo horizonte! ”. Após a visita e a missa foi erguido um monumento para homenagear o ilustre visitante. Cercada pela Serra do Curral, a praça é um belo lugar para passear e apreciar a linda vista panorâmica da cidade.

Conjunto Moderno da Pampulha

img_3024

Foto por Caroline de Oliveira

O complexo, conhecido mundialmente pelas obras de Oscar Niemeyer e Burle Marx, também está na lista dos lugares gratuitos para conhecer. Das cinco obras que encantam todos os visitantes, apenas três são abertas para o púbico: Museu de Arte da Pampulha, Casa do Baile e Casa JK.
Informações mais completas da região você encontrará aqui: Pampulha é sinônimo de arquitetura e lazer

Museu de Artes e Ofícios

img_4629

Foto por Caroline de Oliveira

Na Praça da Estação está um dos museus brasileiros mais importantes. Instalado em dois belos prédios históricos, o museu possui um grande acervo, com mais de 2.500 peças que representam as primeiras invenções do trabalho pré-industrial no Brasil. Todas essas obras estão abrigadas em um espaço físico original que une as galerias do Museu e as plataformas da estação ferroviária. Uma das melhores formas de conhecer e saber como as pessoas naquela época usavam e trabalhavam com os objetos.

Feira Hippie

whatsapp-image-2017-05-09-at-16-19-41

Foto por Caroline de Oliveira

A feira de Artes e Artesanatos da Avenida Afonso Pena é uma das maiores feiras da América Latina. Fundada em 1969, a feira acontece todos os domingos desde então, com cerca de 2.500 expositores e chega a receber mais de 100 mil visitantes de todos os lugares do Brasil e do mundo. Uma ótima oportunidade de conhecer a culinária de várias regiões do Brasil, e até mesmo internacional, e também conferir a diversidade de produtos que a feira abriga, como bijuterias, roupas, calçados, quadros, artesanato, móveis e muito mais.

Texto por: Caroline de Oliveira. A jornalista viajou a convite da IHG com apoio da Belotur.

Foto destaque por Caroline de Oliveira

 

Comentários